Ao vivo Rádio Atual FM
13.4 C
Concórdia

Acne gestacional – Por que acontece e como cuidar da pele

A acne na gravidez pode aparecer logo nos primeiros meses, mas isso não é uma realidade para todas as gestantes. Ainda assim, é um problema relatado por muitas mamães. A acne pode atrapalhar a autoestima e até causar incômodos no dia a dia da mulher gestante.
Se você está grávida e as espinhas começaram a aparecer, veja algumas dicas valiosas para driblar esse obstáculo.
Espinhas na gravidez? Por que elas aparecem?
A acne na gravidez, também conhecida como acne gestacional, acontece devido às mudanças hormonais pelas quais a mulher passa durante esse período. Para receber um bebê, o corpo se transforma, e uma dessas alterações são os hormônios.
Os níveis de estrogênio, progesterona, beta-HCG e prolactina aumentam consideravelmente durante a gestação, o que pode acarretar uma série de modificações em relação ao surgimento de acne na gravidez e ainda, outras mudanças estéticas, como estrias, aparecimento de melasma gravídico, alterações nos cabelos e unhas, e glândulas sebáceas e sudoríparas.
No caso da acne na gravidez, ela aparece pelo acúmulo de óleo produzido pelas glândulas sebáceas, que ao invés de ser eliminado pelos poros, obstrui o folículo, levando ao surgimento da espinha.
Essas acnes normalmente são nódulos fechados e inflamados. São as chamadas espinhas fechadas, que aparecem como pústulas, ou seja, pequenas elevações na região. As espinhas, muitas vezes dolorosas, podem carregar pus no centro da lesão, devido à contaminação das bactérias presentes na pele.
Mulheres com a pele mais oleosa tendem a apresentar mais acne na fase gestacional. Jovens e as que já apresentaram espinhas durante a adolescência também estão mais suscetíveis ao surgimento de acne na gravidez. Mas não é regra!

Onde a acne na gravidez aparece com mais frequência?
• Rosto (próximo à mandíbula, lateral da boca e perto da raiz dos cabelos);
• Pescoço;
• Colo;
• Ombros;
• Glúteos.
Como prevenir e tratar a acne na gravidez?
A principal dica é cuidar da pele diariamente com produtos específicos, indicados por um dermatologista. É importante não utilizar produtos ou remédios por conta própria, já que alguns dos tratamentos mais comuns para acne não são recomendados às gestantes, devido aos ativos utilizados neles. Por isso, atenção, gravidinha!
Para prevenir a acne, a gestante pode adotar uma rotina de cuidados faciais. Mas, ressaltamos novamente: é imprescindível a consulta a um dermatologista de confiança. O profissional analisa cada pele e cada caso individualmente.

Mantenha uma rotina de cuidados com a pele
A rotina de skin care deve ser constante. A dica é lavar o rosto com água fria ou morna duas vezes ao dia. Em geral, recomenda-se o uso de sabonetes à base de enxofre, loções e cremes de aplicação diária para o controle da oleosidade.
O filtro solar é essencial durante o uso de produtos antiacne, pois eles podem sensibilizar a pele. Além disso, o filtro solar previne possíveis manchas na pele, já que muitas grávidas têm tendência ao surgimento de melasma.
Se você não dispensa uma maquiagem no dia a dia, prefira aquelas que sejam apropriadas para o seu tipo de pele, e claro, para peles com acne.
Por fim, é comum, após a gravidez, com a normalização dos níveis hormonais, a acne melhorar.
Lembrando que a prevenção da acne, seja em qualquer fase da vida, começa pela alimentação. É ideal manter uma dieta balanceada e equilibrada, tomar bastante água, ter uma boa noite de sono, assim como usar filtro solar diariamente e cuidar muito bem da pele.
 
Fonte: Blog Grão de Gente

Participe dos grupos de Whatsapp da Atual FM e receba as principais notícias do Oeste Catarinense na palma da sua mão.

*Ao entrar você está ciente e de acordo com todos os termos de uso e privacidade do WhatsApp

Notícias Relacionadas

Siga a Atual FM

290,148FãsCurtir
39,789SeguidoresSeguir

Em Alta