Ao vivo Rádio Atual FM
13.6 C
Concórdia

Acusado de homicídio faz pedido de liberdade provisória; caso teve grande repercussão

Concórdia – A Justiça da Comarca de Concórdia deverá julgar nas próximas horas um pedido de liberdade provisória ingressado pela defesa de um rapaz acusado de homicídio na Rua Dr. Maruri, centro da cidade. O crime ocorreu no dia 23 de dezembro de 2015. Ronaldo Pinheiro foi esfaqueado depois de um desentendimento entre grupos rivais.
O acusado pelo Ministério Público foi preso há uma semana e está recolhido no Presídio Regional de Concórdia aguardando desdobramentos do processo e o julgamento que deverá ocorrer através do tribunal popular do júri.
Ronaldo Pinheiro foi esfaqueado em uma briga que ocorria em um posto de combustíveis e depois conseguiu correr até uma calçada próxima. Ele não resistiu aos ferimentos e morreu no local antes da chegada do resgate. A defesa do acusado alega residência fixa e emprego legal, porém o Judiciário decretou a prisão devido a supostas ameaças a testemunhas que o acusado estaria fazendo.
O pedido está sob análise do Ministério Público que deverá dar ser parecer em cinco dias. Depois o judiciário irá reanalisar as ponderações e decidir o recurso.

 

Participe da comunidade no Whatsapp da Atual FM e receba as principais notícias do Oeste Catarinense na palma da sua mão.

*Ao entrar você está ciente e de acordo com todos os termos de uso e privacidade do WhatsApp

Notícias Relacionadas

Em Alta