Ao vivo Rádio Atual FM
23.3 C
Concórdia

Basquete feminino do Brasil está fora das Olimpíadas

Depois de ser perder para Austrália e  Sérvia, o Brasil chegou ao último jogo do Pré-Olímpico de basquete feminino ainda com chances de carimbar o passaporte para Paris-2024. Para isso, precisava vencer a Alemanha por oito pontos de diferença, mas tudo ficou mais difícil com o péssimo começo em que o time chegou a estar perdendo por 11 a 0. Depois disso, lutou muito, teve Kamilla Soares, Damiris e Tainá Paixão como destaques, mas sucumbiu diante do adversário, que venceu por 73 a 71. Com três derrotas em três jogos, a seleção brasileira se despede de Belém sem a vaga para Paris-2024.

O jogo marcou também a despedida da capitã Érika da seleção brasileira. O desejo dela era se aposentar em Paris, mas as três derrotas no Pré-Olímpico anteciparam a decisão. “Não tenho nem palavras para mensurar o amor que eu sinto por vestir essa camiseta e passar todos os perrengues que eu passei com as meninas. Foram 25 anos que, se eu pudesse voltar no tempo, eu faria tudo novamente”, disse a pivô de 41 anos com lágrimas nos olhos. “Na seleção, infelizmente, meu ciclo se fecha. Eu ainda tenho uma LBF pela frente, mas vou dar todo o suporte para as meninas. Vou estar sempre junto com elas, mas não diariamente porque, como todo mundo sabe, pretendo ser mãe, se não meu marido me larga”, brincou.

Participe da comunidade no Whatsapp da Atual FM e receba as principais notícias do Oeste Catarinense na palma da sua mão.

*Ao entrar você está ciente e de acordo com todos os termos de uso e privacidade do WhatsApp

Notícias Relacionadas

Em Alta