Ao vivo Rádio Atual FM
11.8 C
Concórdia

Defesa Civil monitora 40 pontos com risco de deslizamento e interdita 100% a rua Anita Garibaldi

Concórdia – A Prefeitura de Concórdia, através da Defesa Civil Municipal, está monitorando mais de 40 pontos do Município com riscos de deslizamentos devido a chuva intensa das últimas semanas no Grande Oeste.

Conforme Miro Toldo da Defesa Civil Municipal a Prefeitura de Concórdia registrou muitos transtornos nos últimos dias. Depois do risco de alagamentos, e com o solo saturado pela água a situação dos deslizamentos foi o foco no Município.

Todos os pontos são mapeados e monitorados. Nas últimas horas, algumas vias chegaram a ser interditadas e famílias retiradas de suas casas pelo risco. Em Concórdia, um dos casos mais críticos é da rua Anita Garibaldi, que foi interditada em dois pontos.

Acima da Caixa Econômico Federal, onde existe risco de deslizamento de um barranco em função da abertura de fendas na parte mais alto do morro. Miro Toldo afirma que o bloco de terra tem uma rachadura de  aproximadamente 35 metros de comprimento e 15 centímetros de largura.

Diante dessa condição, a Prefeitura de Concórdia isolou a área que pode ser atingida pelo deslizamento de terra na Rua Anita Garibaldi. Outro ponto crítico é no acesso a antiga FACC Faculdade. No local, houve um deslizamento de terra e a via está em meia pista.

Outro ponto complicado é na Rua Padres Franciscanos, onde a via está totalmente bloqueada pelo risco de novos deslizamentos. Uma araucária também acabou caindo no local nas últimas horas.

Ainda existe bloqueio parcial em algumas vias no bairro da Gruta, na Rua Senador Atílio Fontana e na Rua Tancredo Neves, próximo do acesso a Rua Victor Sopelsa, sentido ao Parque de Exposições. Na Tancredo Neves houve deslizamento que atingiu duas estruturas, uma revenda de carros e uma gráfica.

Participe da comunidade no Whatsapp da Atual FM e receba as principais notícias do Oeste Catarinense na palma da sua mão.

*Ao entrar você está ciente e de acordo com todos os termos de uso e privacidade do WhatsApp

Notícias Relacionadas

Em Alta