Ao vivo Rádio Atual FM
26.8 C
Concórdia

Homem é condenado a 36 anos de prisão por abusar sexualmente das três filhas

Videira – Um homem foi condenado a 36 anos de reclusão por abusar sexualmente das três filhas pequenas, em Videira. Ele cumprirá a pena em regime fechado pelo crime de estupro contra vulnerável.

O caso chegou à Justiça graças a uma denúncia feita pelo Ministério Público de Santa Catarina (MPSC), com base em provas que incluem os depoimentos das próprias vítimas.

O Promotor de Justiça Antonio Junior Brigatti Nascimento, que atua na área da infância e juventude, afirma que a sentença traz uma resposta positiva aos catarinenses. “Que essa condenação sirva de exemplo para que casos dessa natureza não voltem a acontecer em nossa sociedade”, diz.

Segundo consta nos autos, o homem aproveitava-se dos momentos em que ficava sozinho com as filhas para acariciá-las nas partes íntimas e mostrar-lhes o órgão genital. Os fatos aconteceram entre 2014 e 2015, quando as meninas tinham entre dois e cinco anos de idade.

Certo dia, ele brigou com a esposa e saiu de casa. Foi quando a menina mais velha disse para a avó que estava aliviada por não precisar mais conviver com o pai e explicou o que vinha sofrendo. As outras duas crianças também contaram que eram vítimas de abuso. Ao saber da história, a mãe das meninas as levou ao hospital e acionou o Conselho Tutelar.

“A mãe exerceu papel fundamental na elucidação dos fatos ao acionar os órgãos de proteção e na defesa das filhas por requerer medida protetiva de urgência visando ao afastamento do genitor do convívio familiar”, conclui o Promotor de Justiça.

 

Participe da comunidade no Whatsapp da Atual FM e receba as principais notícias do Oeste Catarinense na palma da sua mão.

*Ao entrar você está ciente e de acordo com todos os termos de uso e privacidade do WhatsApp

Notícias Relacionadas

Em Alta