Ao vivo Rádio Atual FM
20.3 C
Concórdia

Homens flagrados furtando loja em Joaçaba têm prisão preventiva decretada

Joaçaba – Dois homens flagrados furtando uma loja do setor varejista em Joaçaba durante o Carnaval tiveram a prisão preventiva decretada a pedido do Ministério Público de Santa Catarina (MPSC).

Eles haviam sido soltos na audiência de custódia, após o relaxamento do flagrante realizado pela Polícia Militar, o que revoltou a população. Então, a 3ª Promotoria de Justiça da comarca fez um novo pedido, o qual foi deferido pelo Juiz titular da Vara Criminal.

A Promotora de Justiça Francieli Fiorin diz que não havia justificativa para a soltura dos presos.

“As prisões foram legalmente realizadas e, por meio delas, a Polícia Militar evitou um prejuízo de mais de R$ 250 mil ao comércio local. A liberdade dos dois homens representa um perigo à sociedade, pois se trata de pessoas acostumadas à prática desse tipo de crime, com histórico de furtos em outras regiões do estado, e que, por isso, não podem ficar circulando livremente”, diz ela.

Segundo o boletim de ocorrência, a dupla abriu um buraco na parede de concreto, adentrou na loja, removeu as câmeras de segurança, revirou os departamentos e colocou cerca de 150 aparelhos eletrônicos, como smartphones, notebooks e caixas de som, em mochilas e sacolas plásticas. Eles já se preparavam para deixar o local quando a Polícia Militar chegou.

Os homens possuem 36 e 48 anos, respectivamente. Ambos teriam se deslocado do litoral catarinense para Joaçaba justamente para cometer furtos durante o Carnaval. Um deles, inclusive, diz ser pedreiro, e teria aberto a parede utilizando um martelo e outras ferramentas.

Participe da comunidade no Whatsapp da Atual FM e receba as principais notícias do Oeste Catarinense na palma da sua mão.

*Ao entrar você está ciente e de acordo com todos os termos de uso e privacidade do WhatsApp

Notícias Relacionadas

Em Alta