Ao vivo Rádio Atual FM
16.2 C
Concórdia

Homem que matou no centro de Concórdia será submetido a Julgamento Popular

Concórdia – A juíza Thays Backes Arruda, da Vara Criminal da Comarca de Concórdia, proferiu na sexta-feira a sentença de pronúncia que levará a julgamento popular o réu Marcelo da Silva Michelon. Ele é acusado de matar a golpes de faca a vítima Ronaldo Pinheiro no dia 23 de dezembro de 2015 no centro de Concórdia.
O crime aconteceu na Rua Doutor Maruri, quando houve uma briga generalizada que iniciou em um posto de combustíveis, local onde Ronaldo foi atingido. Ele chegou a correr, mas morreu na calçada, próximo a loja Schumann.
A juíza ainda negou o direito de recorrer em liberdade, uma vez que há um prazo para recurso. Mas se a sentença for mantida, o réu será submetido nas próximas semanas ao Tribunal Popular do Júri.

Participe da comunidade no Whatsapp da Atual FM e receba as principais notícias do Oeste Catarinense na palma da sua mão.

*Ao entrar você está ciente e de acordo com todos os termos de uso e privacidade do WhatsApp

Notícias Relacionadas

Em Alta