Ao vivo Rádio Atual FM
9.2 C
Concórdia

Liminar garante internação domiciliar para bebê com atrofia muscular

Concórdia – A Justiça da Comarca concedeu liminar em uma ação civil pública determinando que o Governo do Estado e o Município de Concórdia viabilize o internamento domiciliar para um bebê com atrofia muscular espinhal tipo I. A ação foi ingressada pelo promotor público, Felipe Prazeres Salum Muller com despacho favorável do juiz André Milani.
O bebê nasceu no dia 3 junho do ano passado e depois de cinco meses a família teve o diagnóstico de que o paciente estaria com a doença que prejudica a coordenação motora e o desenvolvimento do menino. A atualmente ele está internado no Hospital São Francisco e necessita de acompanhamento permanente.
De acordo com a decisão provisória, o Município e o Estado terão de adquirir todos os equipamentos necessários para a internação domiciliar. Além disso, terão de viabilizar atendimento médico especializado com acompanhamento de pediatra de forma quinzenal, acompanhamento de profissional de enfermagem semanal, contratar cinco técnicos de enfermagem para atender 24 horas, fonoaudiólogo, viabilizar ainda fisioterapeuta e nutricionista.
O promotor acredita que o custo mensal para manutenção do paciente com atrofia muscular espinhal gira em torno de R$ 50 mil. A família devido às condições financeiras não teria como arcar o internamento domiciliar.

Participe da comunidade no Whatsapp da Atual FM e receba as principais notícias do Oeste Catarinense na palma da sua mão.

*Ao entrar você está ciente e de acordo com todos os termos de uso e privacidade do WhatsApp

Notícias Relacionadas

Em Alta