Ao vivo Rádio Atual FM
17 C
Concórdia

Novas equipes de Concórdia vão à Chapecó; controle de incêndio é difícil em distribuidora de combustíveis

Chapecó – Mais uma equipe de Bombeiros Voluntários de Concórdia foram deslocados nas últimas horas para Chapecó onde irão também ajudar no combate ao incêndio da unidade da Maxsul distribuidora na SC-480, entre Santa Catarina e o Rio Grande do Sul.

Ainda na manhã da segunda-feira, dia 13, bombeiros voluntários de Concórdia e Arabutã se deslocaram para prestar apoio na ocorrência. São centenas de bombeiros e dezenas de viaturas prestando auxílio na ocorrência de incêndio que é considerada a maior da região na última década. Também estão em Chapecó, Bombeiros Voluntários de Irani e Ipumirim.

Por volta das 6h30 da segunda-feira, dia 13, um dos tanques do centro de distribuição da MaxSul incendiou. O fogo se alastrou rapidamente e atingiu vários tanques. São cerca de 2 milhões de litros de combustíveis queimando sem condições de controle por parte dos socorristas.

Os Bombeiros Militares de Chapecó disseram nas últimas horas que o controle das chamas é impossível devido as proporções. Também não é possível calcular até quando o fogo irá continuar, já que uma projeção nesse sentido depende de diversas variáveis.

Ainda na segunda-feira, dia 13, os Bombeiros confirmaram que quatro tanques haviam sido atingidos pelo fogo. As equipes estão tentando evitar que o sinistro se alastre e provoque danos ainda maiores. Por isso, as equipes trabalhando com o resfriamento dos tanques.

Nas últimas horas os “dutos” que conectam os tanques acabaram incendiando tornando ainda mais complicada a operação de controle das chamas. Os Bombeiros Militares e Voluntários de toda a região estão ainda trabalhando para tentar controlar o fogo.

Durante toda a madrugada as equipes continuavam mobilizadas.

VÍDEO ABAIXO

Participe da comunidade no Whatsapp da Atual FM e receba as principais notícias do Oeste Catarinense na palma da sua mão.

*Ao entrar você está ciente e de acordo com todos os termos de uso e privacidade do WhatsApp

Notícias Relacionadas

Em Alta