Ao vivo Rádio Atual FM
10.7 C
Concórdia

Operação "Carne Fraca" ajuda a derrubar as exportações de carne de frango e suína

SC – Embora a desastrada Operação Carne Fraca, da Polícia Federal, tenha ocorrido em meados de março, o impacto negativo nas exportações de carnes do país ocorreu no mês seguinte, abril. Dados apurados pela Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) confirmam que o volume de exportações totais de carne de frango do país em abril teve queda de 23% frente ao mesmo mês do ano passado e o faturamento, que ficou em US$ 551 milhões, caiu 11%. No caso de carne suína, as vendas de abril no exterior, em volume, caíram 16% na comparação com o mesmo período de 2016, mas em receita alcançou US$ 120,9 milhões, com crescimento de 21%.
O presidente da ABPA, Francisco Turra, explica que a operação da PF ajudou a derrubar as vendas, mas não foi a única razão. Segundo ele, é preciso considerar que em abril de 2016 o país registrou o segundo melhor desempenho mensal da história das exportações de frango e a série de feriados no mês, este ano, também atrapalhou. Para Turra, no caso da carne suína, a operação carne fraca e os feriados também prejudicaram.
No primeiro quadrimestre do ano, as exportações de frango do Brasil atingiram 1,403 milhão de toneladas, uma queda de 4% frente ao mesmo período do ano anterior. As vendas de carne suína fecharam em 198 mil toneladas, alta de 3% frente aos mesmos meses de 2016. Os dados de exportação por Estado sairão em alguns dias.
Tudo indica que mais efeitos negativos da Operação Carne Franca ainda podem ser sentidos em maio. O fato é que foi lamentável a divulgação nacional e internacional generalizando um problema pontual que ainda não tinha provas concretas. Soube-se depois, por informações de bastidores, que o objetivo era político, o de derrubar o novo ministro da Justiça, o parlamentar paranaense Osmar Serraglio.
Problema político deve ser resolvido na esfera política e não comprometer justamente um dos setores que mais colaboram para o crescimento da economia e geração de impostos durante essa que é a pior recessão da história do país. (Diário Catarinense)

Participe da comunidade no Whatsapp da Atual FM e receba as principais notícias do Oeste Catarinense na palma da sua mão.

*Ao entrar você está ciente e de acordo com todos os termos de uso e privacidade do WhatsApp

Notícias Relacionadas

Em Alta