Ao vivo Rádio Atual FM
9.1 C
Concórdia

Polícia Civil prende homem que abusava de menina por 10 anos seguidos em Passos Maia

Passos Maia – A Polícia Civil de Vargeão, em um trabalho conjunto com a Polícia de Passos Maia e Ponte Serrada, prendeu na tarde desta terça-feira, dia 5, um suspeito de 50 anos responsável por abusar sexualmente da neta de sua esposa.

O crime aconteceu por um período de 10 anos. No dia 23 de fevereiro, a vítima compareceu à Delegacia de Vargeão, oportunidade em que registrou o boletim de ocorrência, informando que residia com a avó desde os 18 dias de vida na cidade de Passos Maia.

Desde os 8 anos, ela passou a conviver com o agressor, que a abusou um dia antes de ela completar 13 anos. A vítima informou que, após a ocorrência do primeiro abuso, o suspeito passou a praticar o crime de maneira reiterada, infração penal que se repetia quase diariamente, sempre mediante ameaça, com a posse de arma de fogo.

Em fevereiro, ela saiu de casa aproveitando um momento que o suspeito não estava, pois ele não a deixava sair. Mas começou a receber áudios do suspeito no qual declarava que a ofendida não seria de nenhum outro homem, pois seria apenas dele, a ameaçando para voltar para casa, a fim de evitar derramamento de sangue.

Diante da situação, a Autoridade Policial instaurou o inquérito. Na tarde de ontem, os policiais se deslocaram para o interior da cidade de Passos Maia, oportunidade em que localizaram o suspeito em sua residência, efetuando a sua prisão.

No imóvel, foi localizada uma arma de fogo calibre 12, além de munições do mesmo calibre, mas com registro válido, porém utilizada para ameaçar a vítima, sendo portanto apreendida.

Interrogado pela Autoridade Policial, o suspeito exerceu o direito constitucional de permanecer em silêncio. Após os trâmites legais, o investigado foi conduzido para o sistema prisional de Xanxerê, local em que permanecerá à disposição da justiça.

Participe da comunidade no Whatsapp da Atual FM e receba as principais notícias do Oeste Catarinense na palma da sua mão.

*Ao entrar você está ciente e de acordo com todos os termos de uso e privacidade do WhatsApp

Notícias Relacionadas

Em Alta