Ao vivo Rádio Atual FM
14.8 C
Concórdia

Polícia Civil vai interrogar na próxima semana o acusado de assassinar Adriana Chiapetti em Linha Vitória

Concórdia – A Polícia Civil, através da Divisão de Investigação Criminal (DIC) deverá interrogar o suspeito preso pelo assassinato de Adriana Chiapetti, na comunidade de Linha Vitória. Ele foi preso logo depois de cometer o assassinato e estar retornando do Paraguai para Concórdia. A prisão foi decretada pela Justiça da Comarca de Concórdia atendendo pedido da Polícia Civil que logo depois do homicídio iniciou a apuração dos fatos e a investigação do crime chocante.
O suspeito – ex-companheiro de Adriana Chiapetti, foi preso na SC-157, na trecho que liga Chapecó e São Lourenço do Oeste. Ele estava em um GM/Corsa quando foi abordado pelos policiais civis de Quilombo. O suspeito está recolhido no Presídio Regional de Concórdia.
A Polícia Civil em Concórdia pretende ouvir a versão do autor e os esclarecimentos na próxima semana. Na região de Quilombo, quando foi preso, o suspeito permaneceu “calado”. A Polícia Civil está aguardando também alguns documentos e laudos do Instituto Médico Legal de Concórdia para ser anexado ao Inquérito Policial aberto.
Adriana Chiapetti foi executado dentro da própria casa, possivelmente durante a madrugada, próxima da meia-noite. Depois disso, o suspeito teria seguido ao Paraguai. Ao retornar, ele foi preso em flagrante. Os detalhes do crime e a apuração da viagem serão esclarecidos a partir do fim do inquérito e com a oitiva do suspeito.
O inquérito deverá ficar concluído em 30 dias.
IML
O Instituto Médico Legal de Concórdia não conseguiu apontar o objeto utilizado para cometer o assassinato da jovem Adriana Chiapetti. Durante a necropsia foi possível apurar que ela tinha uma pancada forte na cabeça. Foi descartada a possibilidade de morte por golpe de faca e disparo de arma de fogo.
21271233_1898978497032932_4573028991206011073_n Atual 3 morte2 crime1

Participe da comunidade no Whatsapp da Atual FM e receba as principais notícias do Oeste Catarinense na palma da sua mão.

*Ao entrar você está ciente e de acordo com todos os termos de uso e privacidade do WhatsApp

Notícias Relacionadas

Em Alta