Ao vivo Rádio Atual FM
22.1 C
Concórdia

Quarto acusado de matar venezuelano em Capinzal é preso no PR; fuga ocorreu por Concórdia

Capinzal – As Polícias Civil e Militar do Estado do Paraná prenderam na tarde dessa segunda-feira, dia 16, na cidade de Pinhais-/PR, Davi José Marcano, o quarto e principal suspeito do homicídio contra seu conterrâneo venezuelano Anthony Ruiz, fato ocorrido no início da noite do dia 08 de maio, na praça central de Capinzal.

O suspeito possuía mandado de prisão preventiva decretado pelo Poder Judiciário da Comarca de Capinzal, juntamente com outros três suspeitos, todos venezuelanos.

Três foram presos no dia 12 maio, enquanto que Davi empreendeu fuga da cidade de Capinzal com a família esposa e filho. Inicialmente pagando um táxi até a cidade de Concórdia e depois seguindo para a cidade de Curitiba, onde chegou no dia 11 maio.

A equipe de investigação da Comarca de Capinzal, coordenada pelo Delegado de Polícia Gilmar Bonamigo, e composta por Fernando, Ricard e Andreia Bareta, repassou todas as informações necessárias para a captura do foragido que se escondia na casa parentes naquela cidade e articulava retorno à terra Natal – Venezuela.

O êxito na prisão e fuga para o exterior deu-se em razão da soma de esforços da Polícia Civil, Ministério Público e Poder Judiciário, em especial do Setor de Investigação da Comarca, que teve o apoio incondicional da Responsável pelo Expediente da Delegacia de Lacerdópolis – Andréia Bareta.

O suspeito ainda não foi interrogado sobre os fatos, o que deve acontecer por vídeo conferência, uma vez que foi recolhido ao presidio de Curitiba. O Inquérito Policial deve ser concluído até o final desta semana.

Participe dos grupos de Whatsapp da Atual FM e receba as principais notícias do Oeste Catarinense na palma da sua mão.

*Ao entrar você está ciente e de acordo com todos os termos de uso e privacidade do WhatsApp

Notícias Relacionadas

Siga a Atual FM

290,148FãsCurtir
39,789SeguidoresSeguir

Em Alta