Ao vivo Rádio Atual FM
16.4 C
Concórdia

Servidor da Câmara de Vereadores de Capinzal é afastado por suspeita de desvio de dinheiro

Capinzal – O diretor financeiro da Câmara de Vereadores de Capinzal foi afastado do cargo por suspeita de desviar cerca de R$ 10 mil do órgão público.

O presidente do legislativo, Jairo Luiz Hofmann, assinou o afastamento no dia 7 de maio. O fato já estava sendo investigado pelo Ministério Público.

De acordo com informações, ele disse ao Ministério Público que desviou o valor da conta bancária da Câmara de Vereadores e que está arrependido. O servidor público se comprometeu a devolver os valores. A promotora Karla Bárdio Meirelles solicitou a Polícia Civil a abertura de um inquérito policial contra o envolvido para apurar o crime de peculato.

Câmara de Vereadores se manifesta através de nota

Na sexta-feira do dia 03/05 a Câmara de Vereadores de Capinzal/SC foi oficiada pelo Ministério Público encaminhando Notícia de Fato para conhecimento e adoção de providências administrativas cabíveis.

Diante disso, imediatamente a Mesa Diretora, sob a presidência do Vereador Jairo Luiz Hoffmann, adotou as providências legais cabíveis, que incluem a nomeação de Comissão para instauração do respectivo Processo Administrativo Disciplinar (PAD) e o afastamento preventivo cautelar do citado servidor.

Tais medidas visam assegurar a transparência e lisura da apuração dos fatos noticiados, salientando-se que o citado servidor faz parte do quadro efetivo da Câmara de Vereadores de Capinzal/SC já de longa data e prestará os devidos esclarecimentos perante o PAD instaurado, sem prejuízo de quaisquer outras providências legais cabíveis e aplicáveis pelos demais órgãos públicos, resguardas todas as garantias legais e o direito do servidor à ampla defesa e ao contraditório.

Capinzal, 15 de maio de 2024.

(Portal Magronada)

Participe da comunidade no Whatsapp da Atual FM e receba as principais notícias do Oeste Catarinense na palma da sua mão.

*Ao entrar você está ciente e de acordo com todos os termos de uso e privacidade do WhatsApp

Notícias Relacionadas

Em Alta