Ao vivo Rádio Atual FM
18.3 C
Concórdia

Vereadores voltam a cobrar o início dos atendimentos à população na Unidade de Pronto Atendimento (UPA)

Concórdia – Os vereadores Evandro Pegoraro (PT), Edno Gonçalves (PDT) e Closmar Zagonel (PMDB), todos da bancada de oposição, visitaram nessa semana a estrutura da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Concórdia. Eles estão solicitando ao prefeito Rogério Pacheco (PSDB) o início do funcionamento da estrutura que foi construída ainda na gestão do ex-prefeito João Girardi.
De acordo com Gonçalves, já são sete meses de governo e nenhuma medida foi tomada visando a abertura da estrutura. Conforme o vereador, o prefeito assumiu a responsabilidade de fazer a UPA funcionar, porém nenhuma medida ainda teria sido tomada.
Zagonel também esteve no local e disse que discorda da falta de receitas do Município para colocar em funcionamento a UPA. Ele explica que o valor que seria economizado com o repasse ao Hospital São Francisco seria possível viabilizar o funcionamento da Unidade de Pronto Atendimento.
Já Pegoraro, destacou o exemplo da UPA de Herval do Oeste que tem um custo mensal estimado em R$ 430 mil e atende 11 municípios. Ele afirma ainda que se não entrar em funcionamento a Prefeitura de Concórdia terá que devolver um valor superior a R$ 1,5 milhão ao Governo Federal.
Segundo Pegoraro, são cerca de 10 mil atendimentos mensais na UPA de Herval do Oeste.
Vídeo abaixo
[fbvideo link=”https://www.facebook.com/atualfm/videos/1590696090971903/” width=”650″ height=”450″ onlyvideo=”1″]  

Participe da comunidade no Whatsapp da Atual FM e receba as principais notícias do Oeste Catarinense na palma da sua mão.

*Ao entrar você está ciente e de acordo com todos os termos de uso e privacidade do WhatsApp

Notícias Relacionadas

Em Alta