Ao vivo Rádio Atual FM
9.9 C
Concórdia

Concórdia sai do cenário de epidemia da dengue

Concórdia – O município de Concórdia não está mais em epidemia de dengue. A desclassificação do status endêmico foi feita pela Secretaria de Estado da Saúde de Santa Catarina nesta semana, diante da diminuição do número de casos positivos da dengue nas últimas quatro semanas no município. hoje, dia 4 de julho, o grupo de trabalho de coordenação das ações de combate à dengue se reuniu na sede da Defesa Civil do Estado para comemorar a conquista e avaliar as próximas ações de prevenção.

O diretor de Saúde, Leandro Zorzan, mostrou os gráficos com a evolução da doença desde 2022. Naquele ano, Concórdia teve recorde no número de casos, apresentando uma explosão de pacientes positivos no mês de abril, sobrecarregando o serviço público de saúde. Desde então, as ações de prevenção e combate foram intensificadas, com mutirões inclusive no inverno, para atenuar os casos nos meses mais preocupantes.

Em 2024, o Brasil viveu o momento mais dramático da dengue. Santa Catarina deve passar dos 300 óbitos confirmados, com milhares de casos positivos. Apesar do avanço da doença em todo o país, em Concórdia os números se mantiveram estáveis, com menos da metade dos pacientes positivos registrados em 2022, sendo observada uma curva moderada de ascendência no gráfico. Outra conquista importante foi o índice zero de letalidade. Concórdia não registrou nenhum óbito da doença em 2024.

O prefeito, Rogério Pacheco, destaca que o resultado é do trabalho em equipe, desde os agentes de endemias, que foram amplamente capacitados e receberam novos equipamentos para o trabalho de fiscalização. A Saúde também implantou um protocolo de atendimento, com todas as unidades preparadas para atender pacientes suspeitos. O trabalho educativo nas escolas, conscientizando as crianças até a mobilização do poder público e sociedade civil na realização dos mutirões. Ações coordenadas que foram decisivas para o controle da doença.

O trabalho de vigilância segue, com análise constante dos números para antecipar as ações de controle. Agora, todos os pacientes suspeitos serão testados na Unidade Sanitária, com convênio diretamente com o Lacen, para acelerar o diagnóstico e dar continuidade nos protocolos de atendimento. (Ascom Prefeitura)

Participe da comunidade no Whatsapp da Atual FM e receba as principais notícias do Oeste Catarinense na palma da sua mão.

*Ao entrar você está ciente e de acordo com todos os termos de uso e privacidade do WhatsApp

Notícias Relacionadas

Em Alta