Ao vivo Rádio Atual FM
13.7 C
Concórdia

Delegada solicita a reconstituição para esclarecer dúvidas sobre o afogamento de jovem de 18 anos

Capinzal – A Polícia Civil de Capinzal continua investigando as circunstâncias do afogamento que levaram a morte da jovem Dhara Correia, de 18 anos, no dia 16 de março, nas águas do Rio do Peixe.

De acordo com a Delegada Fernanda Gehlen da Silva, responsável pela Delegacia de Polícia da Comarca de Capinzal, o inquérito segue em andamento e ela aguarda alguns laudos periciais do Instituto Médico Legal (IML).

A Delegada confirmou que solicitou à Polícia Científica a realização de reprodução simulada dos fatos (reconstituição) para esclarecer algumas dúvidas que ainda pairam sobre o ocorrido. Não há data definida para esse procedimento, mas deve ocorrer nos próximos dias.

O laudo pericial cadavérico indicou como causa morte “asfixia por afogamento”, não havendo identificação de outras lesões externas que pudessem estar diretamente relacionadas a morte. (Rádio Capinzal)

Participe da comunidade no Whatsapp da Atual FM e receba as principais notícias do Oeste Catarinense na palma da sua mão.

*Ao entrar você está ciente e de acordo com todos os termos de uso e privacidade do WhatsApp

Notícias Relacionadas

Em Alta