Ao vivo Rádio Atual FM
15.2 C
Concórdia

Deputado Neodi Saretta pode aproveitar "janela" para deixar o PT

Concórdia – Aprovada no ano passado pelo Congresso Nacional, a emenda constitucional que vai criar uma janela de 30 dias para que deputados estaduais e federais mudem de partido sem perder os mandatos tem potencial para provocar uma revoada nas bancadas catarinenses. O período de liberdade partidária começa a valer a partir da promulgação da emenda, prometida para quinta-feira pelo presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL).
Em Santa Catarina, as especulações envolvem os nomes de pelo menos nove parlamentares. Nenhum deles confirma que a decisão esteja tomada, mas admitem as sondagens e dão pistas sobre os motivos pelos quais abandonariam a legenda que os elegeu. Na Câmara dos Deputados, Carmen Zanotto (PPS) e Geovânia de Sá (PSDB) estão na lista. Na Assembleia Legislativa, sete deputados são alvo de assédio ou podem usar a janela proporcionada pela emenda constitucional para deixar seus partidos.
O maior afetado seria o PT, que ficaria sem dois de seus cinco deputados estaduais: Neodi Saretta e Padre Pedro Baldissera. Eles admitem desconfortos e convites, mas afirmam ainda não terem feito o debate interno sobre uma mudança. (Diário Catarinense)

Diagramação / Agência RBS
 
 

Participe da comunidade no Whatsapp da Atual FM e receba as principais notícias do Oeste Catarinense na palma da sua mão.

*Ao entrar você está ciente e de acordo com todos os termos de uso e privacidade do WhatsApp

Notícias Relacionadas

Em Alta