Ao vivo Rádio Atual FM
19.4 C
Concórdia

Dupla acusada de matar em Irani é denunciada por homicídio qualificado

Concórdia – Rudimar Domingo Luiz, 19 anos e Gustavo Kobrin, 28 anos, foram denunciados pelo Ministério Público e irão responder por homicídio qualificado no caso envolvendo a morte de Lucas Funini, 26 anos, morto com golpes de facão em Irani. A pena para esse tipo de crime varia de 12 a 30 anos de reclusão.
Conforme a denúncia da Promotoria Pública, o crime ocorreu por motive torpe e impossibilitando a defesa da vítima. Um dos envolvidos ainda está foragido. Gustavo Kobrin está com mandado de prisão em aberto, porém ainda não foi localizado. Já Rudimar Domingos Luiz, foi preso no início do ano em Porto União e transferido ao Presídio Regional de Concórdia.
Conforme cobertura EXCLUSIVA do jornalismo da Atual FM, Lucas Funini foi assassinado com vários golpes de facão na cabeça por volta das 23h30 do dia 27 de novembro no bairro Alto Irani, próximo da BR-153. A vítima estava bebendo cerveja em um bar quando foi atingido pelos golpes mortais.
A suspeita é de que a dupla teria assassinado o jovem por vingança, já que Funini teria se envolvido quando era menor de idade na morte do irmão dos autores. Os golpes atingiram a face da vítima que teve morte instantânea. A PM de Irani chegou a fazer buscas na residência dos suspeitos em Irani no dia do crime, porém eles abandonaram os imóveis.

Participe da comunidade no Whatsapp da Atual FM e receba as principais notícias do Oeste Catarinense na palma da sua mão.

*Ao entrar você está ciente e de acordo com todos os termos de uso e privacidade do WhatsApp

Notícias Relacionadas

Em Alta