Ao vivo Rádio Atual FM
4.4 C
Concórdia

Estado garante linha de crédito para produtores afetados pela seca

Concórdia – Os estragos causados pela estiagem nas lavouras de Santa Catarina devem causar redução de 43% na safra de milho. Para minimizar os impactos da falta de chuvas, porém, os produtores rurais contam com o apoio do Governo do Estado com linhas de crédito especiais, entre elas o Reconstrói SC, que oferece condições de pagamento facilitadas e um desconto de 50% no valor financiado.
Nesta segunda-feira, 24, o secretário de Estado da Agricultura, da Pesca e do Desenvolvimento Rural, Altair Silva, cumpriu roteiro no Extremo Oeste para apresentar os programas que estão disponíveis para os agricultores catarinenses.
“O Governo do Estado está realizando investimentos importantes para aumentar a segurança dos produtores rurais. Este ano serão mais R$ 150 milhões para apoiar a construção de sistemas de captação, armazenagem e uso de água nas propriedades rurais, sem contar a recuperação de fontes e nascentes. Essas reuniões regionais são fundamentais para que as lideranças conheçam os programas disponíveis e orientem os agricultores sobre o apoio dado pela Secretaria da Agricultura, em especial ao crédito emergencial”, ressalta o secretário Altair Silva.
Desde 2021, a Secretaria de Estado da Agricultura reforçou os programas para aumentar a disponibilidade de água no meio rural de Santa Catarina. São duas frentes de atuação: o SC Mais Solo e Água, com crédito para construção de sistemas de captação e distribuição de água, além da conservação de fontes e nascentes, e a linha emergencial Reconstrói SC, que pode ser utilizada para recuperação de sistemas produtivos.
Os produtores rurais contam com financiamentos de até R$ 10 mil, sem juros e com cinco anos para pagar. Caso o pagamento seja feito em dia há um desconto de 50% no valor total. O Reconstrói SC pode ser acessado para realizar a recomposição de pastagens, aquisição de sementes e alimentação animal – apoiando os produtores de grãos e leite.

Participe dos grupos de Whatsapp da Atual FM e receba as principais notícias do Oeste Catarinense na palma da sua mão.

*Ao entrar você está ciente e de acordo com todos os termos de uso e privacidade do WhatsApp

Notícias Relacionadas

Siga a Atual FM

290,148FãsCurtir
39,789SeguidoresSeguir

Em Alta