Ao vivo Rádio Atual FM
14.8 C
Concórdia

Ex-prefeito de Itá, Egídio Gritti, é absolvido de processo por suposto ato de Improbidade Administrativa

Itá – A juíza da Comarca de Itá, Andrea Regina Calicchio, julgou improcedente nesta semana uma ação movida pelo Ministério Público contra Egídio Gritti e Arno Alberto Aires Winke. Os dois, que foram denunciados por ato de improbidade administrativa, acabaram absolvidos porque conseguiram provar que não houve má-fé na nomeação de Arno para exercer um cargo comissionado na prefeitura.
A denúncia do Ministério Público sugeriu que Egídio teria frustrado a licitude de um processo seletivo no ano de 2009 com o intuito de beneficiar Arno, que é seu concunhado. No entanto, na análise da documentação, a juíza entendeu que a nomeação de Arno não importou em ato de improbidade administrativa e por isso os dois foram absolvidos do processo. No entanto, como a decisão é de primeira instância, ainda cabe recurso junto ao Tribunal de Justiça do Estado.

Participe da comunidade no Whatsapp da Atual FM e receba as principais notícias do Oeste Catarinense na palma da sua mão.

*Ao entrar você está ciente e de acordo com todos os termos de uso e privacidade do WhatsApp

Notícias Relacionadas

Em Alta