Ao vivo Rádio Atual FM
12.9 C
Concórdia

Prefeitura vai contratar empresa de consultoria para ajudar na reforma administrativa

prefConcórdia – A Prefeitura de Concórdia anunciou nessa quarta-feira, dia 23, a contratação de uma empresa de consultoria na área de pessoal para através critérios legais e técnicos, definir o quadro de lotação de cada secretaria, fundação e instituto de previdência, dentro da proposta de reforma administrativa.
Para isso, o prefeito Rogério Pacheco esteve reunido com a equipe de governo, na tarde desta terça-feira, 22, para avaliar o andamento dos trabalhos. Depois do debate, os gestores aprovaram uma análise de viabilidade financeira para a contratação de uma empresa especializada em consultoria na área de pessoal.
O trabalho da consultoria se dividirá em três etapas. Na primeira, será feita a especificação das atividades e ou serviços requeridos, como: definir de acordo com a legislação aplicável as atividades meio e atividades fim de cada órgão; identificar eventuais situações de desvio de função; identificar o quadro de servidores com restrições, apresentando proposta de procedimentos a serem implementados; estre outras ações.
Já na segunda etapa, com base no levantamento das atividades e dimensionamento do quadro de lotação proposto, a empresa apresentará estudo para adequação dos atuais Planos de Cargos e Salários, contemplando a inserção e/ou exclusão de atividades nos cargos existentes, inclusão e/ou exclusão de cargos. O estudo deverá observar os procedimentos e a legislação aplicável para o caso.
Também será tarefa da consultoria, apresentar estudo do impacto financeiro para a adequação proposta. A última etapa, contemplaria a elaboração de estudo para organização da estrutura da administração direta e indireta, definindo o quadro de gestores, com respectivas atribuições, por secretaria, fundação e instituto de previdência. (ASCOM/Prefeitura e Atual FM)

Participe da comunidade no Whatsapp da Atual FM e receba as principais notícias do Oeste Catarinense na palma da sua mão.

*Ao entrar você está ciente e de acordo com todos os termos de uso e privacidade do WhatsApp

Notícias Relacionadas

Em Alta