Ao vivo Rádio Atual FM
21.3 C
Concórdia

Conmebol vai endurecer medidas para punir atos de racismo nos campeonatos da entidade

A Conmebol confirmou nesta segunda-feira mudanças em seu Código de Disciplina que  que tornam mais duras as punições contra clubes cujos torcedores cometerem atos de racismo. A partir de agora, a multa mínima passa a ser de US$ 100 mil (cerca de R$ 500 mil), valor que pode aumentar dependendo da gravidade de casa caso ou de reincidência. A multa mínima anterior era de US$ 30 mil (R$ 150 mil). Qualquer jogador ou dirigente que “insulte ou atente contra a dignidade humana de outra pessoa ou grupo de pessoas, por qualquer meio, por motivos de cor de pele, raça, sexo ou orientação sexual, etnia, idioma, credo ou origem, será suspenso por um mínimo de cinco jogos ou por um período de tempo mínimo de dois meses”. Além disso, o código agora prevê a possibilidade de os clubes punidos terem que jogar com portões fechados por um ou mais jogos – ou ainda com parte das arquibancadas fechadas. Essa punição não fazia parte da versão anterior do código.

Participe dos grupos de Whatsapp da Atual FM e receba as principais notícias do Oeste Catarinense na palma da sua mão.

*Ao entrar você está ciente e de acordo com todos os termos de uso e privacidade do WhatsApp

Notícias Relacionadas

Siga a Atual FM

290,148FãsCurtir
39,789SeguidoresSeguir

Em Alta