Ao vivo Rádio Atual FM
10.9 C
Concórdia

Suspeito de assassinar mulher em milharal na região é encontrado morto

Águas de Chapecó – O suspeito de assassinar brutalmente Marta Rotheman de 29 anos e deixar o corpo em um milharal, na Linha Gramados, interior de Águas de Chapecó, foi encontrado morto em Palmitos, nove dias após o crime. O município onde o homem foi encontrado fica a 20,9 km de Águas de Chapecó.

O delegado de Polícia Civil Uiliam Soares revelou que o homem foi encontrado enforcado e o corpo em avançado estado de decomposição. A suspeita é de que ele tenha atentado contra a própria vida.

Conforme as investigações, Marta vivia em um relacionamento abusivo e era constantemente acusada pelo ex-companheiro de traição.

“Quando ele bebia e consumia drogas a acusava de traição. Isso levou ao término, mas ele não se conformava, o que culminou nesse crime trágico e cruel”, acrescentou o delegado.

O dia do crime

O delegado revelou que a mulher foi morta por volta das 21h30 do dia 11 de março (segunda-feira). O irmão do suspeito lhe deu uma carona e o deixou próximo à casa de Marta. Após uma emboscada, a mulher foi morta supostamente por arma branca.

Em fevereiro, dois Boletins de Ocorrência por descumprimento de medida judicial foram feitos contra o ex-companheiro. A vítima e o suspeito acumulam passagens policiais por alguns crimes. Além disso, o homem respondia um processo criminal por tentar matar outra ex-companheira.

Corpo foi encontrado por irmão no milharal

Foi o irmão de Marta quem encontrou o corpo em meio ao milharal. Inicialmente, foi até a Polícia Militar de São Carlos e informou que a irmã estava desaparecida.

Conforme informações da PM (Polícia Militar), o irmão havia combinado de buscá-la no trabalho, mas ao chegar, não a encontrou. Mais tarde, encontrou a irmã deitada em meio a plantação de milho, com ferimentos. A PM e o Corpo de Bombeiros foram chamados.

A guarnição constatou que a mulher estava desacordada e apresentava ferimentos. Os bombeiros fizeram a avaliação, porém Marta já estava morta.

(Por: ND+)

Participe da comunidade no Whatsapp da Atual FM e receba as principais notícias do Oeste Catarinense na palma da sua mão.

*Ao entrar você está ciente e de acordo com todos os termos de uso e privacidade do WhatsApp

Notícias Relacionadas

Em Alta